terça-feira, julho 25, 2006

dos silêncios

gritam
os teus olhos
mais que bocas
falantes

o teu
é um silêncio
que berra!

© Ademir Antonio Bacca
do livro “Plano de Vôo”

5 comentários:

Sarah disse...

falar nem sempre é necessário .... as vezes silêncios desmontam ...
;-)

Sarah disse...

Ademir ... vc já conhecia meu blog, já esteve por lá antes ... esqueceu?
Tem até um link do teu blog por lá, pois adoro suas imagens e textos.
;-)

doroty.dimolitsas disse...

Bom dia meu amigo
Ademir sim,
Nosso eterno Mario Quintana
Merece toda gloria de um trabalho feito com, Alma e coração.
Parabéns, Aliás, eu ainda não disse, mas direi agora, tenho a maior admiração por este carinho, com que tratas este trabalho que é tão gratificante. Mais uma vês parabéns. Abraços da amiga Dora

Benvinda Palma disse...

Simplesmente lindos os teus poemas...aliás, já te disse isto outras vezes, mas, sempre que passo por aqui, tenho vontade de declarar meu amor por teus versos!
Razão disto é que o teu blog está linkado ao meu...vc já percebeu? Se já me deste a honra de tua visita, com certeza já o sabes! Não sei se te é um prazer mas, devo confessar que, pra mim, é uma grande honra!


Abraços poéticos!

Benvinda Palma

ESCRITORA VERA SALBEGO disse...

LINDA POESIA.PEQUENA MAS PROFUNDA NA SUA SENSIBILIDADE.PARABÉNS AMIGO POETA.