quinta-feira, julho 20, 2006

Cachaça

de repente
a vida descendo
macia
na mesa de bar
em doses
de pura poesia

© Ademir Antonio Bacca
* do livro “Plano de Vôo”

Um comentário:

soninhaporto disse...

belissimo! adoro essas analogias.