sábado, fevereiro 16, 2008

Arte: Henrique Rodrigues Pinto
“Um bom poema é
aquele que nos dá
a impressão de que
está lendo a gente
e não a gente a ele”.

MARIO QUINTANA

8 comentários:

Ilka Vieira disse...

Prezado Ademir,
estou encantada com seu blog: belo trabalho o seu, também fico feliz por encontrar nele pessoas tão queridas para mim como Líria Porto e Lilian Maial. Faço votos que o blog seja reconhecido merecidamente.
Grande abraço
Ilka Vieira

TARCIO VIU ASSIM disse...

Seu blog continua o mesmo:
maravilhoso.
-
Os bons poetas (como o eterno Quintana) sabem mesmo das coisas
-
Abraço!

Anônimo disse...

Ade,
Eis aí o caráter universal da literatura(em todas as suas formas) - a passagem do particular para a identificação de muitos.
Feliz do escritor que consegue chegar à simplicidade com um trabalho que é cheio de dificuldades.
abraços
Rejane Romani Rech

cassiane disse...

Oi Ademir, parabéns pelo espaço cultural que seu Blog oferece. Que maravilha ver pessoas que se dedicam, que contribuem para a DIVULGAÇÃO de CULTURA!!!
Abraço!!!

Airton Soares disse...

Caro confrade Ademir
Seu blog é BACCAna!

Sempre estou por aqui. E com freqüencia reproduzo suas poesias em meu blog.

Grande abraço
AS

Priscila Lopes disse...

Mario Quintana sempre cai bem.

Gostei, contudo, dos teus poemas. Peço que deixe seu endereço de e-mail no blog Cinco Espinhos ou que entre em contato comigo: lopes_pri@hotmail.com

Abraços!

* hemisfério norte disse...

ah
simples mas excelente dedução
:)
bjs
a.

Andrea Lucia disse...

Sensacional Quintana!!
Belo blog!!!
Beijos,
Andrea.