terça-feira, setembro 12, 2006

da inocência

o que teus olhos
não compreendem
o teu coração
não mente.

© Ademir Antonio Bacca
do livro “Inventário de Emoções”

Um comentário:

Geórgia disse...

O que os olhos não vêem, o coração não sente. É vero?